Conversas Cardeais: Viagens Literárias

Repórteres: Letícia Misna e Gabriela Almeida

Foto: Divulgação/Viagens Literárias

Monique Braga e Rennan Gardini estão a frente do bookstagram Viagens Literárias, um dos maiores do seguimento no Amazonas, somando mais 14 mil seguidores até o momento. Em entrevista ao Vírgulas Cardeais, o casal contou um pouco sobre a rotina como leitores e criadores de conteúdo.

VÍRGULAS – O Viagens Literárias também já foi uma locadora de livros, certo? De onde surgiu a ideia?

Monique – A ideia surgiu em 2017, na minha primeira bienal do livro. Ler é um hábito que tanto amo, e pensei em quem não tinha essa oportunidade, então me perguntei “por que não levar um pouco disso que eu tenho para outras pessoas?”. Fui trabalhando um pouquinho na minha cabeça a ideia de deixar meus livros nas mãos de outras pessoas, e em setembro do mesmo ano a locadora foi inaugurada. Ainda nem nos conhecíamos.

V – E como vocês se conheceram?

Rennan – Conversando sobre livros no instagram. Menos romântico do que gostaríamos (risos).

V – Já pensaram em parar com as atividades do bookstagram em algum momento? Se sim, o que fez vocês continuarem?

Monique – Eu já estou nisso desde 2016 e sabemos que literatura ainda é bem desvalorizada no nosso país. Muitas vezes nós nos esforçamos absurdamente para fazer um conteúdo antecipado, diferente, mas nem sempre temos o retorno esperado. Já fiquei triste por isso antigamente, mas agora eu faço para as pessoas que sempre nos acompanham e para mim mesma, o que vier vai ser bem-vindo.

Rennan – Nunca pensei em parar, me faz bem demais.

V – Muitas criadores de conteúdo literário também são escritores. Vocês pensam ou já pensaram em escrever/publicar algo?

Monique – Eu nunca quis escrever nada.

Rennan – Na verdade, eu concluí um livro durante a quarentena. Um livro de terror que se passa totalmente em terras do Norte do Brasil.

V – E qual livro já existente você gostaria de ter escrito, Rennan?

Rennan – O Exorcista, uma das melhores experiências que eu já tive no gênero.

V – Quem acompanha o instagram de vocês já percebeu que a Monique é completamente apaixonada por livros de fantasia. Quais são as indicações para quem quer começar a ler este gênero?

Monique – Fantasia é um gênero que sempre me encantou. Sair da nossa realidade para mundos totalmente novos me fascina. Uma fantasia que me conquistou recentemente foi O Feitiço dos Espinhos. É volume único e tem uma história EXTREMAMENTE imersiva. É um livro sobre livros que qualquer pessoa vai se apaixonar.

V – Vocês têm uma rotina de leitura? Como organizam?

Monique – A hora que dá eu estou lendo, mas tento ler todos os dias, mesmo que sejam só duas páginas, para não perder o hábito.

Rennan – Eu tento ler 100 páginas por dia e um livro por vez, quando não bate a ressaca literária.

V – Para encerrar, o que faz um livro não entrar na estante de vocês?

Rennan – Puro interesse, se eu acho interessante, eu acabo pegando.

Monique – Eu não curto muito romances, então é meio difícil entrar na minha estante. E também autores com opiniões polêmicas e desrespeitosas, e livros que com temáticas importantes, mas tratadas de forma irresponsável.

Foto: Divulgação/Viagens Literárias

Você pode conhecer mais sobre o trabalho do Viagens Literárias clicando aqui.